Regras do Shevá

Regras do Shevá  Regras do Shevá

O shevá é estes dois pontinhos como no exemplo acima, colocado sempre embaixo da consoante. Ele tem o som de (e), com a pronúncia fraca. Pode ser Simples ou Composto. Simples quando está sozinho, composto quando está acompanhado de uma vogal breve. Como no exemplo abaixo:

Regras do Shevá

O shevá acompanhado das vogais breves patách, qamets e segol formam as Meias Vogais apresentadas acima. O Shevá pode ser mudo, também conhecido como lene (fraco), e não tem pronúncia. Pode ser sonoro, ou seja, pronunciado.

Vejamos algumas regras para identificá-los quando são mudos ou Sonoros.

Mudo ou Lene

  • Aparece no final da Sílaba fechando-a
  • Após vogais breves
  • No final de palavras

Sonoro

  • No início de palavras ou início de Sílabas
  • Usada após vogais longas
  • Aparece em consoantes com daguesh forte

Observação: Quando a palavra tiver dois shevás seguidos, o primeiro é mudo e o segundo pronunciado. O primeiro fecha a Sílaba, por isto, é mudo. O segundo abre a Sílaba, é pronunciado.

Exemplos de shevá mudo, Regras do Shevá

לַיְ/לָה  layelah — (noite) Repare que o shevá está no final da sílaba por isso é mudo, ou seja, não se pronuncia. 

אַתְ at — (Tu) feminino / palavra de uma sílaba só, o shevá está no final e é mudo.

הִתְ/כַּ/תֵּב  hitekatev — (Eu fui inscrito) Palavra com três Sílabas, o shevá fecha a Sílaba e é mudo.

מִגְ/דָּל  migedal — (Torre) Palavra com duas Sílabas e o shevá fecha a Sílaba.

יִשְׁמְרוּ yishemeru — (Eles guardarão) Palavra com dois shevás seguidos, o  primeiro é mudo e o segundo pronunciado. 

Observação: As palavras hebraicas nunca têm dois shevás no início.

Exemplos de Shevá sonoro ou pronunciado:

מִמְּךָ  mimmecha – (De mim) Toda vez que a palavra tiver um daguesh forte (pontinho dentro) o shevá será pronunciado. Neste caso, existem dois shevás nesta palavra, por isto é pronunciado. Veja no exemplo: מִמְ/מְךָ – O daguesh duplica a consoante

מְאוֹד  meod – (muito) – neste caso também é pronunciado porque está no início da palavra.

Adilson Cardoso

Professor Adilson Cardoso, Teólogo, Filósofo – Professor de Filosofia, Teologia, Hebraico e Grego.

Se você viu a lição anterior, então, prossiga para a próxima. Caso contrário, volte na anterior. É importante seguir as lições de forma sistemática, sem pular lições.

Quer Aprender Hebraico Grátis? Junte-se a nós no YouTube!

Playlist com todas as aulas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: O conteúdo está protegido

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Este site usa cookies para melhorar sua experiência. Consulte nossa página de Política de Privacidade