Os 3 Reis Magos Encontraram Jesus em Belém?

Os 3 Reis Magos Encontraram Jesus em Belém? A história dos 3 Reis Magos que visitaram Jesus em Belém é uma das mais conhecidas e celebradas na tradição cristã. Segundo a Bíblia, Melquior, Gaspar e Baltazar seguiram uma estrela que apareceu no céu e os levou até a manjedoura onde o menino Jesus havia nascido. Neste artigo, vamos explorar a história dos Reis Magos, a importância do seu encontro com Jesus e como essa história ainda é celebrada ao redor do mundo.

Existe um relato popular onde os 3 reis magos do Oriente conheceram o recém-nascido Jesus em Belém, na Judeia. Mas será que este relato corresponde ao que a Bíblia realmente diz? Claro que o profeta escreve que o Messias nasceria ali no tempo do Rei Herodes, confira Miquéias 5:2. Mas o que sabemos realmente sobre a visita dos sábios? Para compreender plenamente esta história, precisamos de ler cuidadosamente os Evangelhos.

Quem eram os Reis Magos?

Os Reis Magos, também conhecidos como os Três Reis do Oriente, eram sábios ou magos que teriam vindo de regiões da Pérsia, Índia ou Arábia para adorar o recém-nascido Jesus em Belém. Embora a Bíblia não dê muitos detalhes sobre a identidade dos Reis Magos, eles são tradicionalmente identificados pelos nomes Melquior, Gaspar e Baltazar.

O Relato de Mateus

Conforme os Evangelhos, Jesus nasceu em Belém. Mateus diz-nos que Herodes perguntou aos sacerdotes e escribas, onde Maria deveria dar à luz ao menino Cristo. Por isso, enviou os sábios a Belém. Mas a estrela que viram no Oriente apareceu novamente e estava sobre o lugar onde estava a Criança, leia Mateus 2:9.

os 3 reis magos

Por conseguinte, Mateus não diz que encontraram a criança em Belém. Por outras palavras, os 3 reis magos seguiram a estrela, não as instruções de Herodes. Em contrapartida, segundo o Evangelho de Lucas, José foi à cidade de David na Judeia, ou seja, Belém, e registou-se com Maria, que estava grávida.

O Relato de Lucas

Ali numa manjedoura nasceu a criança, leia Lucas 2:16. Lucas diz-nos que o Imperador Romano César Augusto ordenou um censo e que todos os povos do mundo tinham de ser registrados. José era de ascendência e linhagem Davídica.

Na verdade, os escritores sagrados descrevem duas visitas que tiveram lugar em dois momentos e lugares diferentes. Primeiro, no relato de Lucas 2:16, os pastores encontraram Maria e José com o bebê deitado numa manjedoura. Em segundo lugar, o Evangelho de Mateus 2:11, diz-nos que quando os Magos entraram na casa, viram o Menino com a sua mãe Maria. Além disso, não havia lugar para José e Maria na estalagem em Belém. Só tinham uma casa na sua própria cidade, Nazaré na Galileia.

Os 3 reis magos — Resumo dos acontecimentos

Agora resumiremos os acontecimentos desta história. As citações são retiradas da Nova Versão da Bíblia do Rei James (Bíblia King James).

Primeiro — narrativa de Mateus: Os Magos entraram na casa… E eles viram a criança com Maria.

Segundo — o relato de Lucas: os pastores encontraram Maria e José deitados numa manjedoura com o bebê.

É importante ler este verso na língua original grega. No grego do Novo Testamento, duas palavras são usadas para se referir a crianças. A palavra (βρεφος brephos) é utilizada para um recém-nascido e παιδος paydos) é utilizada para uma criança pequena. Em latim a mesma distinção é feita na Vulgata, onde as palavras “infante” e “puer” são usadas respectivamente.

Quarenta dias após o seu nascimento, Jesus e a sua mãe foram purificados. Conforme com a Lei Mosaica, Jesus foi apresentado no templo. A família deixou então Jerusalém e regressou com o bebê à sua casa em Nazaré. Depois que os 3 reis magos visitaram, os pais foram para o Egito com a criança, de acordo com Lucas, o evangelista. Poderia a família ter fugido para o Egito antes da cerimônia em Jerusalém? Não, não o fizeram.

E se lerem com atenção, verão que os 3 reis magos do Oriente não estavam em Belém, na Judeia. Seguiram a estrela e encontraram a criança numa casa em Nazaré. Estes sábios, ou reis, são simbólicos dos reis de todas as nações que se curvam e adoram Jesus, o Rei.

O significado da visita dos Reis Magos

A visita dos Reis Magos a Jesus tem um significado profundo na tradição cristã. Ela representa a adoração de Jesus pelos gentios, ou seja, pessoas que não eram judias. Também simboliza a revelação de Jesus como o Messias, o salvador prometido pelos profetas do Antigo Testamento.

A celebração dos Reis Magos ao redor do mundo

A história dos Reis Magos e sua visita a Jesus em Belém é celebrada em todo o mundo de diferentes maneiras. Na Espanha e em muitos países da América Latina, por exemplo, o Dia de Reis (6 de janeiro) é uma data importante que marca a chegada dos Reis Magos e a entrega de presentes às crianças. Em algumas culturas, como a porto-riquenha, é comum fazer uma grande festa chamada “parranda”, que inclui música, comida e bebida.

A importância da história dos Reis Magos hoje

Embora a história dos Reis Magos tenha raízes antigas na tradição cristã, ela ainda é relevante hoje em dia. A mensagem de paz e esperança que a visita dos Reis Magos transmite é algo que muitas pessoas ainda buscam. Além disso, a história nos lembra que a bondade e a generosidade são valores universais que transcendem culturas e religiões.

Agora que você já leu o Artigo, os 3 Reis Magos Encontraram Jesus em Belém? Leia também:

Jesus nasceu em 25 de dezembro?

Youtube

Em Suma: De posse destas informações conclui-se que os 3 reis magos nunca estiveram na cidade de Belém. Por isso, não encontraram Jesus nesta cidade. Eles seguiram a estrela e encontraram a criança em sua casa, ou seja, em Nazaré.

ADILSON CARDOSO

Adilson Cardoso: Teólogo, Filósofo — Professor de Filosofia, Teologia, Hebraico e Grego.

Deixe um comentário