A letra mata não faz parte do pensamento de Pedro

A LETRA MATA NÃO FAZ PARTE DO PENSAMENTO DE PEDRO

A letra mata não faz parte do pensamento de Pedro. Pelo contrário, ele ocupa uma boa parte da construção Teológica nas suas Cartas, principalmente,  para advertir seus leitores sobre a falta de conhecimento e suas consequências. Ele não faz  uso direto das palavras, mas, por implicações indireta levando seus leitores a reflexões profundas sobre a necessidade do estudo da Palavra de Deus.

Nesta segunda seção, ou página. Daremos continuidade ao pensamento do Apóstolo Paulo já abordado na página anterior. Se você ainda não viu o primeiro artigo não deixe de ver, ele inicia e dá sequência aos outros para uma visão sistemática e completa. 

A ESCADA DE PEDRO, Segunda carta de Pedro Capítulo 1

  • CARIDADE
  •  AMOR FRATERNAL
  •                      PIEDADE                                                              
  •                      PACIÊNCIA
  •                      TEMPERANÇA       
  •                                     CIÊNCIA
  •                                          VIRTUDE  
  •                                                         FÉ
  •                                               DILIGÊNCIA                                                                                                                    

Não pule degrau na subida


A LETRA MATA NÃO FAZ PARTE DO PENSAMENTO DE PEDRO

A letra mata não faz parte do pensamento de Pedro e ainda obriga seus leitores a rever sua postura relacionada a vida cristã, vamos analisar atentamente:

2 Pedro 1: 3-11

  • 3 – Visto como o seu divino poder nos deu tudo o que diz respeito à vida e piedade, pelo conhecimento daquele que nos chamou pela sua glória e virtude;
  • 4 – Pelas quais ele nos tem dado grandíssimas e preciosas promessas, para que por elas fiqueis participantes  da natureza divina, havendo escapado da corrupção, que por concupiscência  há no mundo.
  • 5 – E vós também, pondo nisto mesmo toda a diligência, acrescentai a vossa a virtude, e a virtude a ciência ,
  • 6 – E à ciência a temperança, e à temperança a paciência, e  à paciência a piedade,
  • 7 – E a piedade o  amor fraternal, e ao amor fraternal a caridade .
  • 8 – Porque, se em vós houver e abundarem estas coisas, não vos deixarão ociosos nem estéreis no Conhecimento de Nosso Senhor Jesus Cristo.
  • 9 – Pois  em quem não há estas coisas é cego, nada vendo ao longe, havendo-se esquecido da purificação dos seus antigos pecados.
  • 10 – Portanto, irmãos, procurai fazer cada vez mais firme a vossa vocação e eleição; porque, fazendo isto  nunca jamais tropeçareis.
  • 11 –  Porque assim  vos será amplamente concedida a entrada no reino eterno de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo.

A LETRA MATA NÃO FAZ PARTE DO PENSAMENTO DE PEDRO

ANALISANDO O TEXTO ACIMA

Pedro nesta carta apresenta para seus leitores uma escada que dá acesso ao Reino de Deus. Veja no versículo 11 “será amplamente concedida a entrada no Reino”, no entanto, para chegar ao topo da escada não é possível pular nenhum degrau.

O primeiro degrau é a diligência, ou seja, dedicação. No versículo 10 ele fala de “vocação”, cada crente possui uma vocação na qual exige que seja exercida com dedicação. Repare que este é o primeiro degrau indicando como é importante o preparo do vocacionado.

O segundo degrau é a fé. A fé no hebraico “Emunáh” significa “apoio”, isto é, o crente nunca estará em queda livre. Ele sempre terá algo para se apoiar, este algo é Deus que o acompanha nesta  jornada. O terceiro degrau é a virtude, o homem virtuoso não é apenas aquele que sabe como agir sabiamente, mas, é aquele que  age sabiamente por hábito.

O quarto degrau é o nosso objeto de reflexão deste artigo. Ciência ou conhecimento é a mesma coisa. O crente que acredita que a letra mata pula este degrau, e pula de forma ignorante. Os demais degraus tem uma relação direta com os quatro primeiros. Se alguém pula um destes quatro os outros se tornam impossíveis.

A LETRA MATA NÃO FAZ PARTE DO PENSAMENTO DE PEDRO

O CRENTE CEGO

Nos versículos 8 e 9 Pedro faz uma severa advertência: “Se em vós houver e aumentar estas coisas”, na sequência ele fala sobre uma pessoa “estéril” (quem é estéril é improdutivo, uma mulher estéril não pode dar a luz, um Crente Estéril no conhecimento não pode desenvolver sua vocação, um abismo chama outro abismo).

No versículo nove ele “chuta o balde”, não poupou as palavras: “em quem não há estas coisas é cego, nada vendo ao longe”. A letra mata não faz parte do pensamento de Pedro

Jesus foi claro quando disse:

  • Deixai-os; são condutores cegos. Ora, se um cego guiar outro cego, ambos cairão na cova. Mateus 15:14

Às vezes, ouço alguém dizer que se um pastor ensina errado é problema dele. Pela afirmação de Jesus citada acima não é bem assim. Se um pastor é cego (sem conhecimento) ele vai arrastar seus seguidores juntamente com ele para perdição.

A LETRA MATA NÃO FAZ PARTE DO PENSAMENTO DE PEDRO

A Letra Mata 2 Carta de Pedro 3:13-18

A Letra mata não fazia parte do pensamento de Pedro. Ele inicia esta carta, como já abordamos acima, e fecha com outras advertências ainda mais fortes do que no capítulo 1. Vamos analisar o texto:

  • 13 – Mas nós, segundo a sua promessa, aguardamos novos céus e nova terra , em que habita a justiça.
  • 14 – Por isso, amados, aguardando estas coisas, procurai que dele sejais achados imaculados e irrepreensíveis em paz.
  • 15 – E tende por salvação a longanimidade do nosso Senhor; como também o nosso amado irmão Paulo vos escreveu , segundo a sabedoria que lhes foi dada;
  • 16 –  Falando disto , como em todas as suas Epístolas , entre as quais há  pontos difíceis de entender, que os indoutos e inconstantes torcem, e igualmente as outras Escrituras, para sua própria condenação  .
  • 17 –  Vós, portanto,  amados, sabendo isto de antemão, guardai-vos de que, pelo engano dos homens abomináveis, sejais juntamente arrebatados , e descaiais da vossa firmeza;
  • 18 –  Antes  crescei na graça e conhecimento do nosso Senhor e Salvador, Jesus Cristo. A ele seja dada a glória, assim agora, como no dia da eternidade. Amém. 

Pedro era um Apóstolo e viveu nos dias de Jesus, mesmo assim teve dificuldades para entender os escritos de Paulo. O próprio Pedro disse que em todas as cartas de Paulo há pontos difíceis de entender. A pergunta é obvia: Essa dificuldade também não estendeu-se até nós? Somos melhores do que Pedro para dispensar as ferramentas da Hermenêutica e da exegese?

Não podemos esquecer que todas as Doutrinas da Igreja advém das cartas, principalmente, das de Paulo. 

No versículo 16 Pedro aponta duas classes de pessoas que torcem as Escrituras. E torcem para a própria perdição. A primeira classe são os “indoutos” (Dicionário Web: que ou não é douto, que não tem erudição, não é instruído, ignorante. Que ou que não tem perícia, incapaz, inábil, que tem dificuldade em se Expressar; Tem dificuldade na fala; pessoa simples)

A segunda classe são os Inconstantes, intermitente, mutável, variável.

Os indoutos podem até serem pessoas bem intencionadas, no entanto, formulam e pregam heresias por falta de conhecimento. E os inconstantes são aqueles que não tem paciência para estudar, começam com entusiasmo, mas logo param, nunca vão até o fim.

No versículo 17 Pedro dirige uma alerta aos seus leitores, agora ele fala em segunda pessoa: “vós” sabendo disto (é como se ele dissesse: cuidado! Eles estão indo para perdição e vão arrastar vocês juntos). E termina a carta com uma forte reflexão. Ele usa o advérbio de tempo “Antes”. Mas, antes do que? Antes que vocês se percam cresçam na graça e no conhecimento.

Às vezes, encontro pessoas que falam abertamente, não precisamos estudar, a letra mata. O que importa mesmo é obedecer. Logo, devemos perguntar: Vocês obedecem? É claro que não. Se está escrito para crescer na graça e conhecimento e crescem no primeiro e rejeitam o segundo, então, não obedecem.

Este estudo é composto de vários artigos, vejam os próximos. Clica nos links abaixo:

Pensamento de Isaias

Livro de Provérbios

Visão Bíblica & Senso Comum

Quer Aprender Hebraico Grátis? Junte-se a nós no Youtube!

Playlist com todas as aulas

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Content is protected !!

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
%d blogueiros gostam disto: