A Educação na Grécia Antiga e a Educação Caótica no Brasil

A Educação na Grécia Antiga

A Educação na Grécia Antiga e a Educação Caótica no Brasil estão separadas no tempo, no espaço e na forma como é aplicada. No entanto, o caos do presente, nos remete ao passado em busca de uma solução urgente. Olhar para o passado, compreender o presente, nos ajudará mudar o futuro.

A Educação na Grécia Antiga

Vivemos num mundo Capitalista globalizado, cujo valor do homem repousa no “ter” e não no “ser”. O valor humano é medido pela sua conta bancária, pelas posses e acúmulo de bens. Para alcançar este fim os pais desde cedo, preparam seus filhos para a vida profissional e não para serem cidadãos éticos, moral e justos, capazes de reconhecer e respeitar as diferenças de classe social, gênero, raça, etnia, etc.

Por isto, é de extrema importância reportar-se ao passado e usar as mesmas lentes para enxergar a Paideia na ótica dos gregos. Embora, as diferenças culturais são gritantes, no entanto, as necessidades humanas são as mesmas. Formar pessoas para conviver de modo pacifica numa sociedade amoral e violenta.

Quem não olha para o passado é como um homem sem memória, fadado a repetir os mesmos erros e não aprender com eles, ao mesmo tempo em que, também, perde a oportunidade de beneficiar-se dos seus acertos. Cabe a nós, fixar um olho no passado e o outro nas mazelas do presente para agir conforme as necessidades da Polis em que vivemos.

A EDUCAÇÃO NA GRÉCIA ANTIGA

Os gregos caminharam na contramão do nosso sistema Capitalista. Enquanto aqui se formam profissionais para o mercado de trabalho, eles não tinham como objetivo ensinar um ofício e sim ensinar a grandeza e a liberdade do homem em sociedade. Para viver moralmente por meio de uma postura ética e bons hábitos de costume e esta era uma preocupação desde a infância, desenvolver uma pessoa honrosa perante a sociedade.

Um olhar atento logo perceberá que as Universidades criadas para promover unidade em meio à diversidade assumiram o papel de empresas, cujos alunos transformaram-se em clientes e o objetivo final é o lucro.

Não é raro ouvir alguém perguntar: Por que nossa sociedade é tão violenta, individualista e apressada? O que deu errado? Podemos mudar este cenário caótico e indesejado? Vejamos abaixo as lições extraídas da Paideia grega:

O homem é formado de corpo e alma, um dualismo que se une e se completam. Então, a formação humana pressupõe e exige um corpo saudável. A prática do esporte era uma prioridade e por isto valorizada. Cabe às escolas estabelecer, valorizar e incentivar a prática, para que a educação física não seja apenas mais uma matéria na grade curricular.

Quanto à alma, a parte imaterial e metafísica, é a parte mais importante do ser. Nela está localizado o intelecto que possibilita o exercício da razão. E as emoções que, às vezes, interferem nas decisões. Neste dualismo é necessário olhar para cima para entender o sofrimento e o indesejado. E olhar para dentro de si para o autoconhecimento, “conheça-te a ti mesmo” frase clássica de Sócrates.

Um conjunto de ferramentas usadas pelos gregos objetivando alcançar o homem virtuoso ainda estão a nossa disposição. Elas poderão contribuir à medida que forem aplicadas corretamente para desenvolver o senso crítico, sem dogmatização e alienação.

Enquanto a Teologia trabalha o espiritual a poesia dá rima aos sentimentos. Por um lado a Filosofia provoca o debate, aguça o senso crítico e ajuda romper com o senso comum. Por outro, a matemática fornece o lógico e a retórica prepara a persuasão. A astronomia ajuda compreender nossa insignificância e finitude. Em contrapartida a gramática organiza a escrita e a comunicação. Por fim, a música acalma a alma e dá ritmo ao entretenimento.

Ainda que o professor não seja valorizado financeiramente, mesmo que tudo conspire contra a educação. Ainda que não haja políticas publicas, nem interesse ou esperança de um amanhã melhor. A Paideia mostrou claramente que é possível acreditar que um conjunto de ensinamentos que trabalha a pessoa como um todo. Pode manter docentes motivados a encarar e transformar um mundo em transformação.

A Educação na Grécia Antiga

A maior de todas as contribuições é alertar os pais e docentes sobre a necessidade de preparar a criança não somente para o mercado de trabalho, mas, também para refletir, questionar e cobrar. Para compreender que todos têm direitos, mas também deveres. O que é certo é que estamos caminhando rumo ao abismo, incerto e perigoso. Um terreno escorregadio cujo manter em pé é difícil, a menos que agarremos na Paideia que manteve a Polis grega governável e habitável.

A Educação na Grécia Antiga foi construida objetivando alcançar uma mente reflexiva e inquiridora. Coisa que todo aparato tecnológico que está  a nossa disposição não foi capaz de fazer.  A velocidade que as informações propagam e a incapacidade de filtrá-las, produziu uma sociedade apressada, individualista e egoistam

Visite Nosso Canal A Educação na Grécia Antiga

Inscreva-se no Site para receber novas postagens. Deixa seu Email na caixa que está no lado direito desta tela e depois abra sua caixa de Emails para confirmar sua inscrição. Sem a confirmação o registro não será validado. Não fazemos spam e somos contra quem o faz. Que o Eterno vos abençoe

 

Você sabe seguir instruções corretamente? Faça o teste

A Educação na Grécia Antiga – A Educação na Grécia Antiga

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Conteúdo protegido

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.
%d blogueiros gostam disto: